Páginas

22.5.12

Os meus sapatos morreram.
Foi por isso que deixei a casa da aldeia. E foi por isso que deixei de ter um monte de coisas minhas. Já não tinha roupa para ela. Se fosse de vestido provavelmente fechava-me a porta, mas eu não te trocaria por uma casa na aldeia.
Nem pensar.
Nem pensar me chega.
Mas se os meus sapatos morreram como vou para lá?
Se for descalça ela chama me de cobarde. E se há coisa que não sou é uma mulher de vestido.
E cobarde.
Não!
Isso não!

No comments: